MUSEU DO HOLOCAUSTO

    Museu

    Rua Agostinho Macedo 248 Bom Retiro Curitiba - PR

    Galeria de Imagens

    o iniciar seu discurso no julgamento de Adolf Eichmann (preso em Jerusalém, em 1961), o procurador do Estado de Israel Guideon Hansner declara: “Estou aqui hoje para falar em nome de seis milhões de judeus que não podem mais se manifestar”. A inauguração do primeiro Museu do Holocausto no Brasil representa uma sensação equivalente, ao ceder à palavra a todos aqueles que pereceram e os que sobreviveram à catástrofe do Shoá para contar um pouco de sua história à Curitiba.

    A criação deste Museu, dedicado ao tema da perseguição aos judeus durante a Segunda Guerra Mundial, presta homenagem às vítimas e aos sobreviventes do Holocausto, bem como aos seus familiares e àqueles considerados “justos entre as nações”, pessoas que colaboraram para salvar a vida dos perseguidos.

    Nesse sentido, a vocação educativa do museu é fundamental e tem como objetivo promover o debate sobre o preconceito ao longo da historia das civilizações, tomando como exemplo a questão judaica.

    O programa museológico foi especialmente concebido, destacando os momentos históricos determinantes na política da Alemanha nazista que conduziram às campanhas antissemitas e que resultaram no estopim do extermínio dos judeus, denominado pelos nazistas de “solução final”.

    O percurso expográfico tem como fio condutor o preconceito estabelecido ao longo das duas grandes guerras, desde os anos de 1920, com os antecedentes históricos da ascensão do nazi-fascismo na Europa até suas conseqüências no pós-guerra e as evidências persecutórias que perduram até hoje em diversos nichos da comunidade mundial. Imagens icônicas, produtos audiovisuais e pequenos objetos, pessoais e simbólicos, relacionados ao tema, apresentam histórias e fatos do genocídio, levando à reflexão dos riscos que a construção de preconceitos pode representar para a humanidade.

    O trauma que aflige os sobreviventes do Holocausto pelo resto de suas vidas, se tem alguma razão de ser, que seja para que a humanidade aprenda a conviver melhor e a respeitar as diferenças de raça, cor, fé, ou posições políticas.

    O Museu do Holocausto em Curitiba não cumpriria sua missão se não promovesse igualmente uma discussão abrangente sobre a questão do preconceito e da violência ao longo do século XX. O Holocausto é o exemplo extremo de como o preconceito pode levar à violência humana, em meio a tantos outros genocídios que ocorreram ao longo do século, os quais juntos somam cerca de 80 milhões de mortes.

    Rotas & Distâncias


        Curitiba - PR
    MUSEU DO HOLOCAUSTO
        Na Cidade         Na Região

    Horário de Atendimento

    • Domingo

      Manhã: 09:00 às 12:00

    • Segunda

      Manhã: 08:30 às 11:30

    • Terça

      Manhã: 08:30 às 11:30 Tarde: 14:30 às 17:30

    • Quarta

      Manhã: 08:30 às 11:30 Tarde: 14:30 às 17:30

    • Sexta

      Manhã: 08:30 às 11:30

    Sobre o Atrativo

    • Nome Oficial

      Museu do Holocausto de Curitiba

    • Tipo de acesso:

      Gratuito

    • Visita monitorada:

      Não

    • Idioma de monitoria:

      Português

    • Facilidades:

      Banheiros

    • Via de acesso:

      Via urbana asfaltada

    • Estacionamento:

      Não possui estacionamento próprio

    • Este atrativo é ideal para quem gosta de...

      Visitas técnicas

    • Este atrativo está localizado perto de...

      Shopping Center